string

Descrição

As strings de texto podem ser representadas de duas maneiras. Você pode usar o tipo de dado String, que é parte do core desde a versão 0019, ou você pode fazer uma string com um vetor do tipo char e terminá-lo em null. Essa página descreve o segundo método. Para mais detalhes sobre o objeto String, que possui mais funcionalidades ao custo de mais memória ocupada, veja a página sobre os objetos String.

Sintaxe

Todos as declarações seguintes são válidas para strings.

char Str1[15];

char Str2[8] = {'a', 'r', 'd', 'u', 'i', 'n', 'o'};

char Str3[8] = {'a', 'r', 'd', 'u', 'i', 'n', 'o', '\0'};

char Str4[] = "arduino";

char Str5[8] = "arduino";

char Str6[15] = "arduino";

Possibilidades para declarar strings

  • Declarar um vetor de chars sem inicializá-lo, como em Str1
  • Declarar um vetor de chars (com um char extra) e o compilador irá adicionar o caractere null requerido, como em Str2
  • Adicionar o caractere null explicitamente, Str3
  • Inicializar uma string constante em aspas; o compilador irá ajustar o tamanho do vetor para a string mais o caractere null terminador, como em Str4
  • Inicializar o vetor com o tamanho explícito e a string constante, Str5
  • Inicializar o vetor, deixando espaço extra para uma string maior, Str6

Terminação em null

Geralmente, strings são terminadas com um caractere null (código ASCII 0). Isso permite que funções (como Serial.print()) saibam onde está o final de uma string. Do contrário, essas funções continuariam lendo bytes consequentes da memória que não fazem parte da string.

Isso significa que sua string precisa ter espaço para mais um caractere além do texto que você quer que ela contenha. Por isso que Str2 e Str5 precisam ter oito carcteres, mesmo que "arduino" seja apenas sete - a última posição é automaticamente preenchida com um caractere null. Str4 é automaticamente ajustada para oito caracteres, sendo um para o null extra. Em Str3, o caractere null foi explicitamente incluído, adicionando-se '\0'.

Note que é possível criar uma string sem uma caractere null no final (ex. se se você tivesse especificado o tamanho de Str2 como sete em vez de oito). Porém isso irá quebrar a maioria das funções que usam strings, então você não deve fazê-lo intencionalmente. Se você notar algo se comportando estranhamente no seu programa (operando em caracteres fora da string), isso pode ser o problema.

Aspas simples ou aspas duplas?

As strings são sempre definidas envoltas em aspas duplas ("Abc") e caracteres são sempre definidos envoltos em aspas simples('A').

Escrevendo strings muito longas

Você pode escrever uma string muito longa em várias linhas, da seguinte forma:

char myString[] = "Essa é a primeira linha" " Essa é a segunda linha" " etcetera";

Vetores de strings

Frequentemente é conveniente, quando lidando-se com grandes quantidades de texto, como um projeto com um display LCD, configurar um vetor de strings. Como strings por sí próprias já são vetores, isso é na verdade um exemplo de um vetor bidimensional.

No código abaixo, o asterisco depois do tipo de dado char "char*" indica que esse é um vetor de "ponteiros". Todos os nomes de vetores são na verdade ponteiros, então isso é necessário para criar um vetor de vetores. Ponteiros são uma partes mais esotéricas da linguagem C++ para inicinates entenderem, mas não é necessário entender ponteiros profundamente para usá-los efetivamente aqui.

Código de Exemplo

char *myStrings[] = {"This is string 1", "This is string 2", "This is string 3", "This is string 4", "This is string 5", "This is string 6" }; void setup() { Serial.begin(9600); } void loop() { for (int i = 0; i < 6; i++) { Serial.println(myStrings[i]); delay(500); } }

Ver Também

Linguagem : PROGMEM

Please note: These are affiliate links. If you buy the components through these links, We may get a commission at no extra cost to you. We appreciate it.